No Dia da Mulher, Etiene recebe certificado do GUINNESS WORLD RECORDS™ por marca nos 50m costas

Nadadora pernambucana garantiu recorde, mantido até hoje, durante o Mundial de Natação de piscina curta em Doha, no Qatar, em 2014, com a marca de 25s67

Foto: Igo Bione/Etienemedeiros.com
09/03/2020 0 43

(Rio de Janeiro, 9 de março de 2020) Ter seus feitos reconhecidos e imortalizados na história do esporte é motivo de orgulho para qualquer atleta, independentemente de modalidade. No caso da nadadora Etiene Medeiros, a sensação não é diferente. Neste domingo (8), a pernambucana de 28 anos de idade recebeu o certificado oficial do GUINNESS WORLD RECORDS, pelo recorde mundial dos 50 metros de costas mais rápidos nadados em piscina curta por uma mulher, quando conquistou a medalha de ouro no Mundial de Natação de piscina curta em Doha, no Qatar, em 2014.


"Muito feliz em receber este certificado. Para mim, representa reconhecimento para as mulheres, para a natação feminina brasileira, para meu técnico o Fernando Vanzella, com quem estou junto há oito anos. Fico muito grata. O Vanzella estava lá comigo e também os demais técnicos que passaram pela minha carreira. É um sentimento muito bom", enalteceu Etiene Medeiros, que em 2014 cravou o tempo de 25s67 e conquistou a primeira medalha em provas femininas da história do país.


"Conhecer a Etiene pessoalmente e apresentar o certificado oficial a ela foi realmente inspirador. Etiene pratica natação desde os quatro anos e depois de 19 anos dedicados à natação conquistou um recorde mundial. Ela é um exemplo do que pode acontecer quando diligentemente seguimos a nossa paixão. Nós estamos felizes em poder confirmar que todos os esforços dela são Officially Amazing", comentou Raquel Assis, a Adjudicadora Oficial do Guinness World Records.


Um "presente" que chega em boa hora às mãos de Etiene Medeiros, para comemorar o Dia Internacional da Mulher. Ela recebe o certificado em um momento no qual o empoderamento feminino nunca esteve tão em alta, inclusive no âmbito esportivo.


"O papel das mulheres no esporte atualmente é desafiador. Não é fácil. Você tem que ter muita coragem. O espaço feminino vem crescendo, mas muito por conta de outras que vieram antes e lutaram para ter as oportunidades que tenho hoje. Mesmo assim, são muitos desafios para mostrar que os valores femininos fazem diferença no esporte. Não é fácil, mas eu sigo tentando conquistar terreno na natação", contou Etiene.


Destaque fora das piscinas


O reconhecimento recebido pela atleta tem uma importância ainda maior, por conta do fato de Etiene Medeiros exercer uma liderança natural entre as nadadoras do Brasil. Além disso, Etiene destaca-se por seus projetos sociais, do Nado Por Tudo, em que anualmente doa o lucro das vendas dos produtos - squeeze e toucas - para entidades. Fatos como estes mostram o quanto ela é diferenciada no cenário esportivo nacional.


"Eu falo que a natação me deu várias coisas, várias oportunidades e conquistas. E hoje eu uso meu lado público, o poder que eu tenho dentro do esporte, dentro da sociedade brasileira, para envolver questões importantes. Com essas campanhas, quero mostrar um olhar diferente, totalmente solidário. Para asma, eu que sou asmática, sou atleta e recordista, quero mostrar que existe tratamento. Como também no câncer de mama e no câncer de próstata. Eu uso o que tenho de poder e visibilidade para ampliar a consciência sobre estas questões", destacou Etiene.