CBDA divulga novas normas sanitárias e técnicas para Seletiva Olímpica Brasileira de Natação

Veja a nova atualização

CBDA divulga novas normas sanitárias e técnicas para Seletiva Olímpica Brasileira de Natação
Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA
11/03/2021 0 646

(Rio de Janeiro, 11 de março de 2021) A Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos publicou, nesta quinta-feira (11), um boletim com esclarecimentos referentes à Seletiva Olímpica Brasileira de Natação, marcada para os dias 19 a 24 de abril, no Parque Aquático Maria Lenk, no Rio de Janeiro.


Diante do agravamento da pandemia da COVID-19 no Brasil e com o objetivo de informar com antecedência à comunidade aquática e aos fãs da modalidade, a CBDA emitiu o comunicado dividido entre protocolo médico, índice de participação e “salvaguardo em relação a eventual contaminação COVID-19”, além de casos omissos. O documento foi elaborado em conjunto com o Comitê Olímpico do Brasil.


Salvo-conduto - Sanitário


O protoolo médico visa a realização segura da Seletiva Olímpica Brasileira, reduzindo ao máximo a probabilidade de contaminação entre os participantes. Por isso, a CBDA e o COB optaram por:



  • - Não permitir a presença de público, mesmo que sejam familiares e amigos.

  • - Staff deverá ser inscrito no prazo regular estipulado pela CBDA

  • - Limitar o número de participantes em 120 atletas

  • - Proibição da entrada de atletas que não possuírem provas na etapa a ser disputada

  • - Competição sem contagem de pontos


+ Veja todo o comunicado clicando aqui


Índices de Participação


Com o objetivo de dar ainda mais segurança aos participantes da Seletiva Olímpica Brasileira, a CBDA também optou por colocar, como índice mínimo de participação, o índice B da FINA para os Jogos Olímpicos de Tóquio.


+ Veja todos os índices clicando aqui


Para garantir o nível técnico da competição, porém, nas provas em que existam até três atletas balizados pelo índice B da FINA, serão convocados nadadores ou nadadoras pelo ranking nacional para completar, ao menos, quatro atletas por prova.


Além disso, de acordo com o boletim emitido pela CBDA, nenhum estrangeiro poderá participar da seletiva.  


+ Clique e veja o período de ranking válido e mais determinações quanto à participação dos atletas


Salvaguardo em casos de COVID-19


No comunicado, a CBDA também esclarece o que pode acontecer caso um atleta teste positivo para COVID-19 no período especificado pela entidade. De acordo com o documento, caso um nadador ou nadadora teste positivo entre 19 de março de 2021 e a data da seletiva (19 de abril de 2021), ele ou ela terá uma nova chance em data mais próxima aos Jogos Olímpicos desde que cumpra todas as condições para isso.


+ Leia todas as condições para salvaguardo em casos de COVID-19


A CBDA fará uma live com a diretoria técnica e médica da CBDA nesta sexta-feira, às 10h15, em seu instagram (@cbdaoficial) para explicar com detalhes o boletim.


Publicado pela Plataforma SGE da Bigmidia - Gestão Esportiva com Tecnologia

A Plataforma SGE é um Sistema de Gestão Esportiva desenvolvido para Confederações e Federações Esportivas. Saiba tudo sobre o funcionamento de um sistema de gestão esportiva e conheça melhor o SGE!