Brasil conquista mais 25 medalhas na Natação e encaminha título geral do Sul-Americano Juvenil

Seleção brasileira brilhou neste penúltimo dia de competição em Lima

Brasil conquista mais 25 medalhas na Natação e encaminha título geral do Sul-Americano Juvenil
Foto: Divulgação
12/11/2021 0 97

(Rio de Janeiro, 12 de novembro de 2021) O Brasil conquistou mais 21 medalhas na Natação nesta sexta-feira (12), penúltimo dia de Campeonato Sul-Americano Juvenil de Esportes Aquáticos, realizado em Lima, no Peru. A seleção brasileira já soma 77 medalhas só na Natação.


O Brasil dominou as provas que deram início à sessão desta sexta-feira. Das 12 medalhas em disputa nos 100m livre, os atletas brasileiros conquistaram oito. Os destaques do dia foram: Rafaela Sumida, Pedro Sansone, Stephanie Balduccini e Guilherme Caribe (100m livre), Samuel Lopes, Julia Goes e Ney Lima Filho (50m costas), Manuela Sega, Lucas Odorici, Stephan Steverink e os revezamentos 4x200m livre masculino (Juvenil A) e feminino e masculino (Juvenil B) que conquistaram medalhas de ouro.


Pedro Sansone, Stephanie Balduccini, Samuel Lopes, Julia Goes, Ney Lima Filho, Manuela Sega e o revezamento 4x200m livre masculino Juvenil B estabeleceram recordes de campeonato.


Com as conquistas nesta sexta-feira, o Brasil chega a 122 medalhas somando todas as modalidades no Sul-Americano Juvenil de Esportes Aquáticos.


Polo Aquático


As duas seleções de Polo Aquático do Brasil foram campeãs do Campeonato Sul-Americano Juvenil. Tanto a seleção masculina, quanto a feminina venceram a Argentina, nesta sexta-feira (12), nas partidas finais da competição.  


No feminino, o Brasil encarou a Argentina, sua principal adversária da primeira fase, quando venceu por 14 a 13. Na disputa pela medalha de ouro, mais uma vitória da seleção brasileira, desta vez por 15 a 13. Além do título de campeãs, o Brasil também teve a melhor goleira da competição: Sophia Freitas.


No masculino, o Brasil não teve muitas dificuldades para vencer a Argentina. O primeiro tempo acabou em 10 a 1 para a seleção brasileira. No segundo tempo, o Brasil continuou controlando as ações e marcou mais sete gols para conquistar o título: 17 a 5. 


Veja as medalhas do Brasil nesta sexta-feira


Polo Aquático


Feminino – ouro


Masculino – ouro


Natação 


100m livre - Juvenil A


Rafaela Sumida - 58s44 - ouro


Helena Lopes - 58s69 - prata


Pedro Sansone - 51s82 - ouro (recorde de campeonato)


Lucas Odorici - 53s25 - bronze


100m livre - Juvenil B


Stephanie Balduccini - 55s24 - ouro (recorde de campeonato)


Giovana Medeiros - 56s47 - prata


Guilherme Caribe - 50s23 - ouro


Vinicius Viebrantz - 50s62 - prata.


50m costas - Juvenil A


Samuel Lopes - 27s21 - ouro (recorde de campeonato)


Rafael Roehricht - 28s36 - prata


50m costas - Juvenil B


Julia Goes - 29s19 - ouro (recorde de campeonato)


Stephanie Balduccini - 29s64 - prata


Ney Lima Filho - 26s19 - ouro (recorde de campeonato)


50m peito - Juvenil A


Manuela Sega - 30s82 - ouro (recorde de campeonato)


Lucas Odorici - 31s03 - ouro


50m peito - Juvenil B


João Vieira - 28s19 – prata


400m medley - Juvenil A


Ágatha Marcondes Amaral - 5m11s03 - bronze


Willyan Matana - 4m45s19 - prata


Henrique Labriola - 4m46s91 - bronze


400m medley - Juvenil B


Nichelly Lysy - 4m56s06 - bronze


Stephan Steverink - 4m26s35 - ouro


Revezamento 4x200m livre - Juvenil A


Brasil feminino – 8m38s09 – prata


Brasil masculino – 7m52s40 - ouro


Revezamento 4x200m livre - Juvenil B


Brasil feminino - 8m24s14 - ouro


Brasil masculino - 7m34s95 – ouro (recorde de campeonato)


Publicado pela Plataforma SGE da Bigmidia - Gestão Esportiva com Tecnologia

A Plataforma SGE é um Sistema de Gestão Esportiva desenvolvido para Confederações e Federações Esportivas. Saiba tudo sobre o funcionamento de um sistema de gestão esportiva e conheça melhor o SGE!